Saiba mais sobre a glutamina!



A glutamina é um suplemento conhecido por ajudar a melhorar a imunidade, na recuperação e após o treino, além de outros benefícios. Parece uma boa aposta para corredores e outros praticantes de atividade física. Entretanto, é preciso saber se você tem a necessidade de consumi-la.


A Glutamina É um aminoácido não essencial, ou seja, que produzimos no nosso organismo e que ajuda a regular a acidez do sangue, principalmente.


Além dessa função, a glutamina ajuda o organismo a se equilibrar em situações de estresse ou ao praticar uma atividade física intensa. Seus nutrientes ajudam a fornecer energia rápida para a manutenção das células, restabelece as estruturas do intestino e fortalece a imunidade, pois acelera as defesas do organismo em caso de vírus e bactérias.


O suplemento ajuda a reduzir a síndrome de excesso de treinamento, especialmente para atletas aeróbicos e de força altamente treinados. Dessa forma, é mais indicada nesses casos do que para um indivíduo que treina na academia algumas vezes por semana, durante uma hora por dia, por exemplo.


Na dúvida, consulte um nutricionista — só um profissional é capaz de avaliar as necessidades para cada caso. A indicação geral é de 5 g ao dia.


Você pode se beneficiar do aminoácido por meio dos alimentos. A glutamina está presente no trigo, no feijão, na caseína do leite de vaca, na albumina do ovo de galinha, carne vermelha, em leites e derivados, tofu, arroz… Entretanto, quando há necessidade de suplementá-la, a melhor opção é o nutriente isolado (o suplemento em si), pois o corpo o absorve mais rapidamente.


Fonte: Ativo